Imagem Google. Moça na janela, de Salvador Dali.

…se a água em que me deito
é a mesma que te banha,
porquê não ouvir a voz do aflito mar?
– Carpe Diem!Aproveite o dia!

Mas veio a onda de mar levado
e deitou seus búzios
ao meu amado
agora e para sempre
submerso na paisagem marinha

Graça Graúna, Nordeste do Brasil, 25.jan.2009

3 comentários sobre “Canto submerso

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s