A morte de Saramago foi confirmada à imprensa portuguesa pelo seu editor, Zeferino Coelho. “Aconteceu há pouco”, disse em entrevista à emissora de televisão RTP. “Estava doente há algum tempo, às vezer melhor outras vezes pior.”
Fontes da família confirmaram a agências internacionais que Saramago estava em sua casa em Lanzarote, nas Ilhas Canárias, onde morava há vários anos.
A morte ocorreu por volta das 13h no horário local (8h de Brasília), quando o escritor estava em casa, acompanhado da mulher e tradutora, Pilar del Río, informa a agência “Efe”.
José Saramago, 87 anos,  havia passado uma noite tranquila. Após o desjejum de costume e de ter conversado com a mulher, começou a sentir-se mal e pouco depois morreu.
Texto de Emilio Naranjo /Efe

2 comentários sobre “Morre o escritor Saramago

  1. José Carlos Brandão, poeta e amigo. Você e Sonia são duas criaturas que admiro muito. Grata pela leitura do texto acerca de Saramago. As suas palavras são reconfortantes. Deus te abençoe sempre. Bjos. Graça Graúna

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s