Não é todos os dias que temos a oportunidade de aprender sobre humanidades. Essa oprtunidade tem data e hora marcada para ver e ouvir o querido colega, amigo e educador Agostinho Rosas. Ser Educador é ter consciência da imprtância do ato de ler, como nos ensiou o grande Paulo Freire; ser educador é ser confessor de sonhos, como sugere o parent’amigo indígena Daniel Mundurucu; ser Educador é refletir com amorosidade sobre o direito que nos é assegurado: o direito de viver um mundo melhor. Por uma educaçao libertadora sempre, Graça Graúna

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s