Pelo quarto ano consecutivo, o Instituto C&A, que há 19 anos atua para a melhoria da qualidade da educação no Brasil, irá apoiar o Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens, que ocorre entre os dias 9 e 19 de junho, no Centro Cultural da Ação da Cidadania, no Rio de Janeiro. Nesta 12ª edição do evento, o Instituto C&A irá participar de debates sobre a importância de formar novos leitores no país – o que vai ao encontro da sua proposta de promoção da leitura entre crianças e adolescentes brasileiros.
Na abertura ao público (dia 9/06, quarta-feira), às 15h30, haverá a mesa “Formando Leitores: experiências e desafios”, para discutir experiências de sucesso na formação de leitores, com a mediação da Secretária Geral da FNLIJ, Beth Serra, e presença da gerente da área Educação, Arte e Cultura do Instituto C&A, Áurea Alencar. Participarão os professores selecionados no concurso “Escola de Leitores”, realizado no Rio de Janeiro pelo Instituto C&A, em2009, em parceria com a Secretaria de Educação do Rio de Janeiro e a Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ). O concurso selecionou projetos de sete escolas públicas envolvendo o tema leitura literária. No debate, os professores apresentarão os desafios, avanços e os primeiros resultados de seus projetos na formação de novos leitores.
 
Movimento Brasil Literário
 
O Instituto C&A também montará um estande no Salão do Livro sobre o “Movimento por um Brasil Literário”, um espaço de mobilização e conscientização da importância da leitura literária no país, principalmente entre jovens e crianças.
 
O público ainda poderá aderir ao “Manifesto por um Brasil Literário”, documento que já conta com mais de 3 mil participantes – lançado na Flip do ano passado – e que deu origem ao Movimento. O principal objetivo é ajudar a fazer do Brasil um país de leitores.
 
Encontro de Escritores Indígenas
 
Nesta edição, o Instituto C&A também apoiará – pelo terceiro ano consecutivo – o 7º Encontro de Escritores e Artistas Indígenas, que acontecerá no contexto do Salão FNLIJ, e terá como tema “Palavra da Cidade, Palavra da Floresta: Literatura Indígena em contexto urbano”. Os escritores indígenas terão um estande no Salão, no qual realizarão atividades culturais com crianças e atividades artísticas.
 
No dia 18/06 (sexta-feira), haverá ampla programação envolvendo cerca de 25 escritores indígenas de diversas tribos brasileiras. Eles irão comentar suas obras, promover saraus de poesias indígenas e participar de mesas de debates sobre a compreensão da identidade do país e a presença indígena no Brasil.
 

Programação do dia 18/06:
Período da Manhã
Ritual e apresentação dos convidados

Mesa 01: “Vozes da cidade, memórias da floresta
Discussão sobre o papel da memória na elaboração da literatura indígena em contexto urbano.
Mediação: Ailton Krenak

Intervalo: Sarau de poéticas indígenas com Carlos Tiago, Graça Graúna e Cristino Wapichana

Mesa 02: “Educação urbana em contexto de aldeia: pontes e contrapontos”
Discussão sobre atuação dos indígenas no contexto urbano. Como esta prática pode interferir na formação de leitores e escritores entre os indígenas.
Mediação: Darlene Taukane

Período da Tarde

Sorteios de livros e arte indígena

Mesa 03: “A Escrita, a História e as trilhas para o futuro
Discussão sobre os caminhos para a produção intelectual indígena tendo a literatura como instrumento no fomento das capacidades individuais dos jovens indígenas.

Mediação: Manoel Moura

Mesa 04: Arte indígena e influências urbanas
Discussão sobre a inserção dos artistas indígenas no mundo urbano e como ocorre seu processo criativo.
Mediação: Cristino Wapichana

Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens

O 12º Salão FNLIJ promove, durante 12 dias, uma variedade de encontros do público com os principais escritores e ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil. O evento reunirá 71 editoras, que apresentarão seus lançamentos. Vários bate-papos com escritores e ilustradores já estão agendados para todos os dias, além de um seminário que acontece nos dias 16, 17 e 18 no auditório local. O evento conta também com novidades como a Biblioteca para bebês, a realização do 1º Encontro Nacional do Varejo do Livro Infantil e Juvenil e a homenagem à Coréia do Sul.

O Salão da FINILIJ tem o patrocínio da Petrobras, por meio da Lei Rouanet, e apoio da Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria Municipal de Educação.

SERVIÇO

12º SALÃO FNLIJ PARA CRIANÇAS E JOVENS
Local: Centro Cultural da Ação da Cidadania
Endereço: Av. Barão de Tefé 75 – Saúde – / 2253-8177
Horário: De 9 a 19 de junho.

Segunda à sexta, das 8h30 às 18h; Sábados e domingos, das 10h às 20h.

Valor do ingresso: R$ 4 (gratuidade para maiores de 65 anos, portadores de deficiência, professores da rede municipal e instituições que trabalham com crianças e jovens de comunidades de baixa renda, pré-agendadas com a FNLIJ)

Fonte: Nearin

8 comentários sobre “Movimento Brasil Literário: 7º Encontro de Escritores Indígenas

  1. Vixe, que coisa mais linda! Que maratona literária! Quantos temas e gente fascinante! Quantas pessoas boas, comprometidas e idôneas juntas! Que lindo ouvir, ver, balbuciar as palavras que estes e estas escritores(as) proferem!!!Mais liiindo foi para quem esteve LÁ! Oh, Pae e Mãe da Palavra, Oh, Tatae do Lugar me oportunize um dia estar de volta dessa gente!Beijos Gra, Grã, Grão!!!

    Curtir

  2. Infelizmente, eu nao estava presente porque moro na França e cuido do meu bebe… queria tento participar a esse evento!Talvez vai ter uma transcripçao o documentos do que passo nestas 4 mesas, todas interessantissimas?Como foi?Seria tao interesante para mim, estudante na França…Abraços!,Héloïse

    Curtir

Deixe uma resposta para José Carlos Brandão Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s